Cauterização Capilar

Cauterização CapilarDefinição de cauterização capilar

A cauterização capilar é o tratamento dos cabelos que tem como objetivo recuperar a fibra dos fios danificados, adicionando a eles as substancias estruturais perdidas e também fechando as suas cutículas.

A diferença entre a reconstrução capilar e a cauterização é que na segunda utilizamos o calor para auxiliar no processo.

Conhecendo a estrutura do fio:

Você Sabia?!

Você sabia que é possível fazer um curso de cabeleireiros com certificado através da internet? Clique Aqui para se tornar um cabeleireiro profissional em 3 passos.​

Na parte externa dos fios encontramos a cutícula, esta camada é como escamas de peixe sobrepostas. As escamas do cabelo retêm a umidade natural dos cabelos, e quando alinhadas, ou seja, sobrepostas refletem melhor a luz, por essa razão cabelos bem hidratados, e consequentemente com escamas fechadinhas, são macios e brilhantes.

A próxima camada do fio de cabelo, depois da cutícula, é a do córtex, ele é composto por células alongadas e bem juntinhas, é formado, em sua grande parte, por queratina. No córtex encontramos os pigmentos naturais responsáveis por determinam a cor dos cabelos.

A última camada do fio do cabelo é a medula. Imagine o fio de cabelo como sendo um tronco de árvore, onde a parte externa, das cascas, é a cutícula, arrancamos estas cascas e encontramos o córtex, e logo na parte central a medula. A medula é como uma espinha dorsal dos cabelos, que vai da raiz á ponta nos fios. A composição da medula é de células maiores e presas de maneira frouxa umas ás outras. Em cabelos quimicamente danificados a medula é quebrada ou ausente.

Os melhores e mais tecnológicos produtos da cosmética capilar trabalham cutículas e córtex, dificilmente atingem a medula.

A cauterização capilar funciona da seguinte forma no fio:

Utilizamos produtos á base de queratina in natura e o calor da chapa para fazer a cauterização capilar, esta combinação fecha as cutículas, e ajuda os princípios ativos a penetrarem nos cabelos e não escaparem, por causa do selamento proporcionado pelo calor.

O calor utilizado no procedimento é necessário porque a queratina natural não tem boa fixação nos cabelos, portanto, aquecida ela se adere melhor.

Sempre atente á temperatura da chapa, esta também não deve ser elevadíssima, quente demais pode danificar os fios, destruir os lipídios protetores e o cimento intracelular dos fios.

Outro detalhe é a técnica no momento de passar a chapa, ela deve deslizar rapidamente nos cabelos, evitando paradas nas mechas.

O passo a passo da cauterização capilar:

Para fazer a cauterização capilar primeiramente é realizada a higienização dos cabelos (julgue a necessidade de utilização do shampoo anti resíduos) para posterior aplicação do produto á base de queratina, e por fim utiliza-se o secador e chapa para cauterizar os fios. Produtos de qualidade e de uso profissional possibilitam resultados mais satisfatórios.

Indicação da cauterização capilar:

A cauterização capilar é indicada para quem possui fios muito porosos, danificados por processos químicos e com pouca resistência, também ajuda a amenizar pontas duplas e os arrepiados.

A durabilidade da cauterização é de geralmente dois meses. È necessário o diagnóstico de um profissional para checar a real necessidade de cauterização, excesso de queratina nos fios endurece as madeixas. O intervalo recomendado, entre uma aplicação e outra, é de sessenta dias, mas relembrando, com a avaliação do profissional.

Dicas de cauterização capilar para os profissionais:

-Para quem tem em mente a cauterização capilar em cabelos com progressiva, a dica é utilização dos shampoos convencionais, ou seja, que não possuam alta alcalinidade, como os anti resíduos, para não danificar a progressiva.

-Cheque se os produtos que adquiriu para fazer a cauterização capilar possuem agentes de proteção térmica, para não estragar os cabelos com a alta temperatura da chapa.

-Não é só a cauterização que fornece queratina aos fios, a maioria das escovas disciplinadoras e redutoras de volume, como progressiva, por exemplo, contem queratina em suas composições. Enquanto mais endurecidas estiverem estas mechas, mais “carregadas” de queratina.

-Já existem, no mercado, produtos para cauterização em versões mais fracas, hidratantes.

-Não é obrigatório, mas os produtos de mesma marca e linha, para manutenção dos tratamentos capilares, ajudam a prolongar a durabilidade dos procedimentos inclusive cauterização capilar. Procure oferecer, em seu salão, alguns destes produtos para que a cliente consiga manter os cabelos bonitos por mais tempo. Alguns representantes deixam os produtos consignados para os profissionais.

Curiosidade sobre a queratina:

A queratina é basicamente a proteína que forma o fio, ou alfa-queratina. Cada fio de cabelo, possui milhares e milhares de cadeias de alfa-queratina entrelaçadas, em forma espiral, estas por sua vez resultam em uma longa e fina corda proteica. São estas proteínas que se interagem fortemente entre si, e por várias formas, que resultam no tipo de cabelo, lisos, crespos, ondulados, enroladinhos.

Não deixe de comentar nosso artigo Cauterização capilar, qualquer dúvida estamos á disposição.



 

Dica Importante!

O sucesso de um cabeleireiro está no quanto ele é conhecido e respeidado, assim é muito importante aprender e se manter atualizado, seja através de cursos presenciais ou cursos como o Curso de Cabeleireiro Pro Hair, onde é possível aprender técnicas profissionais em casa. Invista em VOCÊ!

10 COMENTÁRIOS

  1. Meu cabelo sempre foi lisinho, pesado e fácil de cuidar, mas depois q fiz mechas ele ficou meio ressecado e quebradiço, qual tratamento é melhor para o meu caso: Cauterização ou reconntrução?

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here